A instalação de energia solar em casas representa um investimento em amplo crescimento no Brasil, sendo expandido até mesmo para casas populares!

Hoje, a energia solar já se configura como uma das principais fontes de geração de energia elétrica no país, representando cerca de 2% de toda a matriz energética. Desse montante, 72,6% é representado pela energia solar em residências.

Neste artigo, iremos mostrar as inúmeras razões para o aumento do número de pessoas que procuram fazer o investimento em suas moradias, que incluem a redução de gastos, a praticidade, a segurança e a sustentabilidade, tão buscada e necessária hoje em dia.

Além disso, explicaremos tudo o que você precisa saber sobre o funcionamento dessa tecnologia renovável e em constante ascensão.

Para entender melhor sobre o tema, continue lendo!

Como funciona a energia solar nas casas?

Basicamente, uma empresa responsável instala o chamado sistema fotovoltaico em sua casa, geralmente alocado nos telhados. 

Esse sistema é responsável por captar a energia proveniente dos raios solares e fazer a conversão para energia elétrica, própria para utilizar em suas tarefas cotidianas!

No Brasil, é possível instalar dois tipos diferentes de sistema, o “On gride” e o “Off gride”:

Sistema On gride

Nesse tipo de sistema, é feita a instalação de todo o kit solar, sendo os aparelhos fotovoltaicos conectados à rede pública de distribuição de energia.

Esse é o tipo mais popular de instalação, uma vez que é bastante prático acessar a rede de distribuição. Além disso, o on gride também permite uma grande economia proveniente da geração de energia independente.

Explicando melhor: as placas solares são instaladas em sua casa para que captem a luz dos raios solares e façam a conversão para energia elétrica.  Então, essa energia é enviada para o inversor fotovoltaico, que irá adaptar devidamente a energia produzida às características da rede elétrica que usamos e, posteriormente, injetá-la na rede da distribuidora local.

Durante o dia, enquanto o sistema recebe os raios solares, você pode utilizar tranquilamente a energia produzida pelo seu próprio painel. E, nos momentos em que não há incidência dos raios solares, como à noite e em dias nublados e chuvosos, a rede elétrica pública distribui para você toda a eletricidade necessária.

Uma vantagem sensacional de adotar esse tipo de sistema são os créditos energéticos, autorizados pela Aneel. Funciona assim: toda a energia excedente que seu sistema gera, e que não é usada na sua casa, é depois compensada para você pela rede distribuidora e transformada em créditos. Assim, em momentos em que o seu sistema não esteja em condições de gerar a energia, a rede pública distribui os créditos já acumulados a você!

Para mais, se o seu sistema tem uma capacidade grande de geração, é possível que você não dependa nunca mais da energia da distribuidora e pague apenas as tarifas mínimas de distribuição em sua conta de luz! Economia na certa!

Sistema Off Gride

Aqui, a lógica de funcionamento é contrária ao do sistema On Gride, como o próprio nome já sugere. Nesse caso, é realizada a instalação dos sistemas, mas estes não são conectados à rede pública de distribuição.

Para que não falte energia elétrica, mesmo quando as placas não estão captando os raios solares, são instalados sistemas que utilizam baterias de armazenamento de energia, garantindo eletricidade a qualquer momento.

A vantagem para esse tipo de instalação é ser totalmente independente da distribuidora, o que permite o usuário não arcar nunca mais com nenhuma tarifa pública de energia! Tentador, né?

 Agora que você já está por dentro do funcionamento dessa tecnologia encantadora, iremos te mostrar algumas das várias vantagens de instalar a energia solar na sua residência!

Vantagens da energia solar para casas

       1. Redução de custos às famílias

Com a expansão da tecnologia e dos vários eletrodomésticos em nossas casas, o gasto de energia elétrica das famílias cresceu muito - e não é esperado que isso se reduza nos períodos futuros.

Além disso, no nosso país, há uma enorme dependência energética de hidrelétricas, que geram a grande parte de nossa eletricidade. Assim, com a escassez e a inconstância das chuvas, tem se tornado muito comum a aplicação das bandeiras tarifarias de escassez hídrica nas contas de luz, que pesam muito no bolso do consumidor.

A partir do momento em que você adota o seu próprio sistema gerador de energia, todo esse gasto é reduzido quase totalmente, chegando a 95% de economia em sua conta de luz.

2. Retorno de investimento

Os custos para realizar o investimento em uma usina fotovoltaica têm diminuído muito em nosso país nos últimos anos!

Para além disso, os painéis solares têm uma vida útil de cerca de 25 anos, quando são devidamente instalados e quando são feitas as manutenções corretas.

Analisando o payback do investimento, que costuma ser bastante rápido, com média nacional de 5 anos, você passará a ter uma rápida economia nos anos seguintes, sendo seus custos com energia praticamente zerados depois desse período!

Se compararmos todo o investimento em um sistema fotovoltaico, associado à manutenção mínima necessária ao longo da sua vida útil, com a energia gerada ao longo desses anos, fica evidente que a energia solar é muito mais barata do que aquela da distribuidora!

3. Aumento do valor agregado do imóvel

Como qualquer outro investimento, adotar um sistema que gera a própria energia elétrica em sua casa traz um enorme aumento do valor agregado e uma grande valorização ao imóvel.

Se for o caso de vender o imóvel futuramente, com certeza as placas solares irão garantir uma excelente vantagem financeira e um valor adicional alto sobre o preço da casa!

4. Autonomia energética

Utilizar dos benefícios da tecnologia fotovoltaica garante ao produtor autonomia e liberdade!

A partir do momento em que você consegue produzir sua energia de forma fácil e limpa, você fica livre das incertezas quanto às bandeiras tarifárias, à escassez das chuvas, ao aumento dos preços do kW, e fica mais confortável para realizar suas atividades diárias em casa da melhor forma possível!

5. Sustentabilidade e energia renovável

A energia solar, proveniente do sol, é totalmente gratuita, renovável, infinita e sustentável!

Produzir energia elétrica por meio dos raios solares poupa toneladas de gás carbônico e ajuda a preservar o meio ambiente e o mundo em que vivemos! Por isso, é uma ótima solução para fazer sua contribuição às futuras gerações!

Energia solar em casas populares

É sabido que pessoas de classes mais baixas usam a imensa maioria de sua renda com consumo. Com o aumento das tarifas de energia, o consumo de energia elétrica pesa ainda mais nas contas, limitando essas famílias e piorando sua qualidade de vida. 

Por isso, uma excelente solução para que isso deixe de virar um problema e uma dor de cabeça a mais para as famílias é adotar a energia solar nas casas populares! Ao fazer a instalação do sistema fotovoltaico, há a possibilidade de poupar recursos para que sejam utilizados em outras áreas primordiais, como em alimentos e saúde.

Nesse sentido, já existem projetos de leis, como o PL 1771/2021, que incentiva o uso de energia solar fotovoltaica em casas populares, proposto pela deputada Edna. Na justificativa, Edna argumenta que o custo para implementação de sistema fotovoltaico vem caindo e que a energia solar está em expansão no país, tendo sofrido uma redução de 86% no preço dos sistemas fotovoltaicos, de 2010 a 2020.

É claro que depois de tudo que aprendeu neste artigo, você está disposto a instalar os painéis solares na sua casa, correto? Então trouxemos mais algumas informações para você! Confira:

Como fazer a instalação do sistema fotovoltaico?

A instalação de todo o sistema é feita por empresas especializadas, de maneira muito prática e sem afetar suas atividades diárias dentro de casa. Como já dito, a instalação é bastante comum nos telhados das moradias.

Dessa forma, a empresa contratada será responsável por:

  1. Conferir todas as informações necessárias para pré-dimensionar e precificar o seu gerador solar;
  2. Coletar as informações a respeito da sua casa necessárias para instalar o sistema;
  3. Iniciar o processo de solicitação de acesso à rede junto à distribuidora da sua região;
  4. Entregar devidamente todos os equipamentos e realizar a instalação do sistema em data previamente agendada.
  5. Depois, é necessário solicitar à concessionária uma vistoria total ao sistema de energia solar instalado. Após a vistoria, a concessionária tem até 15 dias para entregar o relatório de vistoria e indicar possíveis alterações e melhorias a serem feitas.
  6. Por fim, após corrigir todas as falhas ou implementar as melhorias indicadas pela concessionária de energia local, é preciso solicitar a aprovação do ponto de conexão, e a concessionária tem até 7 dias para aprovar o ponto de conexão e trocar o medidor de energia.

E... prontinho! Sua residência poderá usufruir de toda a economia e praticidade que a própria geração de energia renovável oferece!

Como é feita a manutenção dos sistemas de energia solar em casa?

É importante que seja feita a manutenção de forma constante, para que a vida útil dos equipamentos seja prolongada e para que eles funcionem perfeitamente.

Para tanto, a manutenção de limpeza é necessária apenas para remover as sujeiras mais pesadas dos equipamentos. Além dela, há também as manutenções elétrica e física, que ajudam a garantir a eficiência e segurança dos painéis, além de prolongar a durabilidade.

A noticia boa é que a própria natureza, com as chuvas periódicas, é capaz de remover as sujeiras mais artificiais, como folhas caídas e poeiras, o que economiza muito no seu bolso!

Quanto custa instalar energia solar em minha casa?

Como já exposto aqui, com a expansão da demanda e da oferta, os preços do investimento têm se reduzido muito no nosso país!

Para que seja calculado quanto ficaria instalar a energia solar na sua casa, é necessário que uma empresa especializada realize os levantamentos e faça o orçamento, pois cada moradia é um caso específico.

Porém, pensando em trazer mais praticidade a você, nós, da SolarChio, preparamos uma ferramenta especial, que é capaz de analisar suas necessidades e suas informações e obter o orçamento ideal que você irá despender para adotar o sistema! Para isso, basta clicar aqui.

Não perca tempo e descubra qual o valor do investimento para começar a aproveitar as vantagens dessa tecnologia tão promissora!